Quarta-feira, 17 de agosto de 2022
O melhor da notícia ao alcance de suas mãos
informe o texto

Notícias || Cidades

Jovem que mobilizou redes sociais com alerta sobre narguilé morre de câncer no pulmão

Ela fazia tratamento para a doença que enfrentava pela segunda vez

Jovem que mobilizou redes sociais com alerta sobre narguilé morre de câncer no pulmão

Foto: Reprodução/Redes Sociais

A jovem tangaraense Nayara Moura, de 25 anos, que ficou conhecida por fazer alertas nas redes sociais sobre o perigo do narguilé, morreu nessa segunda-feira (1º) vítima de câncer no pulmão. Ela fazia tratamento para a doença que enfrentava pela segunda vez.

Nas redes sociais, a família de Nayara comunicou a morte da jovem. O corpo dela foi sepultado em Dourados, Mato Grosso do Sul, onde ela morava atualmente.

Nayara descobriu um câncer em 2020, quando tinha 22 anos, e havia sido curada, mas a doença retornou no mesmo lugar em 2021. Em postagens, ela contava que usava narguilé com os amigos aos finais de semana durante festas.

Ela começou a sentir falta de ar, dor nas costas e perdeu peso.

O namorado de Nayara, Nivaldo Alves de Souza, fez uma postagem e agradeceu a jovem.

“Está noite o céu vai brilhar muito mais, pois você, meu anjo está lá!!! Pois tenho certeza que Deus reservou o melhor lugar para você!!!! Obrigado por tudo que você foi e fez na minha vida!!! Só tenho a agradecer!!! Nunca imaginei encontrar uma pessoa tão linda e de um coração enorme assim como você!!! Agradeço por tudo que você fez na minha vida!!! Você foi um anjo que me ensinou muitas coisas,,, só tenho a agradecer a Deus por ele ter colocado vc no meu caminho.... Te amo muito”, disse.

Narguilé

Um hábito crescente, sobretudo entre os jovens, o uso do narguilé representa um grande perigo à saúde. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que apenas uma hora de uso equivale a tragar 100 cigarros.

O consumo pode levar ao aparecimento de câncer de pulmão, doenças cardíacas e respiratórias, além de também causar dependência. O aparelho é um tipo de cachimbo de água, de origem oriental, destinado a fumar tabaco aromatizado. 

É muito utilizado por hindus, persas e turcos. Mas, já disseminado por todo o mundo, o objeto é constituído de um fornilho, um tubo longo, pelo qual passa a fumaça antes de chegar à boca, e um pequeno recipiente, originalmente usado para armazenar água perfumada.

De acordo com o Ministério da Saúde, a substância contém nicotina e outros 4.700 ingredientes tóxicos. Após uma sessão de 45 minutos, aumentam a concentração de nicotina e monóxido de carbono no organismo.

Com isso, os batimentos cardíacos se aceleram e ainda ocorre uma exposição intensa a metais pesados, altamente tóxicos e de difícil eliminação, como o cádmio.







Fonte:Leiagora
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet